Tragédia no Ninho do Urubu: veja lista de mortos e feridos do incêndio no CT do Flamengo

Corpo de Bombeiros informou pela manhã que o número é de 10 vítimas fatais; oito nomes de jogadores da base foram confirmados

Por Ronaldo Costa Josino 08/02/2019 - 15:20 hs

O Dia - Um incêndio no Ninho do Urubu, como é conhecido o Centro de Treinamento do Flamengo, na zona oeste do Rio de Janeiro, deixou ao menos dez mortos e três feridos nesta sexta-feira, 8 de fevereiro.

O fogo já foi apagado pelo Corpo de Bombeiros, mas as chamas atingiram o alojamento do CT do clube na madrugada, onde dormiam atletas entre 14 e 17 anos.

Algumas das vítimas eram jovens jogadores da categoria de base do Flamengo, mas as identidades ainda não foram confirmadas pelo clube nem pelas autoridades.

Também não são conhecidas as causas do incêndio. De acordo com os Bombeiros e com a Defesa Civil, o local não possuía todas as autorizações e certificados para operar.

O Ministério Público do Trabalho e Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro entrarão com ação para bloqueio de bens do Flamengo para garantir que todas as famílias das vítimas no incêndio sejam indenizadas pelo clube.

A tragédia causa comoção em times de futebol do mundo todo e entre jogadores revelados pelo clube, como o atacante de 18 anos Vinicius Jr, hoje no Real Madrid.

Arthus Vinicius, 14 anos, completaria 15 neste sábado; a família é de Volta Redonda e foi comunicada da morte. Eles vieram para o Rio de Janeiro; O jovem passava os dias da semana no CT, voltando para casa nos fins de semana. Em julho passado, Arthur comemorava sua primeira convocação para a seleção brasileira sub-15.

Athila Paixão, 14 anos, natural de Lagarto, Sergipe. Assembleia Legistativa do estado que ele nasceu lamentou morte através de nota;

Bernardo Pisetta, goleiro, de Santa Catarina. Um conhecido da  família chegou a procurar por notícias do jovem mais cedo. Pisetta fez a maior parte da sua formação no Atlético Paranaense e chegou ao Flamengo em julho do ano passado, realizando um sonho de infância;

Christian Esmério, 15 anos goleiro da base. Vinha sendo frequentemente convocado para a seleção brasileira, conquistas que eram compartilhadas em suas redes sociais, como a última chamada para vestir a camisa do Brasil, no mês passado. Morava em Madureira, mas costumava dormir no CT para ficar perto da escola.  

Jorge Eduardo Santos, 15 anos, de Além Paraíba, interior do estado do Rio. 

Pablo Henrique da Silva Matos, 14 anos, de Minas Gerais, morava no CT e também jogava na base. É primo do zagueiro Werley, que joga atualmente no Vasco da Gama. 

Samuel Thomas, 15 anos, lateral-direito; Era de Vilar dos Teles, São João de Meriti (RJ), na Baixada. 

- Vitor Isaías, 15 anos, atacante, natural de Santa Catarina. Chegou ao Flamengo em agosto do ano passado. Ele se destacou no Figueirense e no Atlético Paranaense antes de chegar ao Rubro-Negro.

As outras duas vítimas não tiveram os nomes revelados, já que as famílias ainda não foram comunicadas

Feridos (3)

Jonathan Cruz Ventura, 15 anos, é natural de Vila Velha, zagueiro: estado gravíssimo, teve de 30 a 35% do corpo queimado. Passa por uma cirurgia no Hospital Lourenço Jorge, e depois será transferido para o Hospital Pedro II, referência no tratamento de queimados.

Cauã Emanuel Gomes Nunes, de 14 anos, é natural do Ceará e conhecido como Fortaleza: está estável, inspira cuidados. Será transferido para o Hospital Vitória, também na Barra. Entrou na base do Flamengo ano passado, segundo um parente. Ele relata que o jovem inalou muita fumaça.  

Francisco Diogo Bento Alves, de 15, goleiro da base: está estável, inspira cuidados.