Câmara de Mossoró vai gastar mais de meio milhão por ano com combustível para vereadores

Com a 'verba gasolina', como está sendo chamada a distribuição de combustível, a Câmara Municipal de Mossoró cria uma nova despesas de mais de meio milhão de reais por ano. Vereadores foram convocados, via memorando circular, para fazer cadastramento

Por Ronaldo Costa Josino 12/02/2019 - 07:28 hs

BLOG DO CÉSAR SANTOS - A Câmara Municipal de Mossoró vai distribuir combustível aos 21 vereadores, com valor de até R$ 2 mil por mês.

Se todos aderirem ao benefício, a Câmara vai aumentar suas despesas mensais em R$ 42 mil, o que dará uma nota de R$ R$ 504.000,00 por ano.

Vale ressaltar que a partir deste mês de fevereiro, está em vigor a verba de gabinete, com valor de R$ 4,5 mil por casa gabinete.

A combustível será distribuído por uma posto da cidade, que até aqui não tem o seu CNPJ divulgado pela Casa. A informação é que a presidente Izabel Montenegro (MDB) chamou a licitação, porém, ninguém sabe as empresas que concorreram e qual foi a vencedora.

A presidência da Casa está convocando os vereadores para o cadastramento junto à Controladoria.

De acordo com a regra de distribuição de combustível, cada vereador receberá um “cartão gasolina” e terá direito a cadastrar dois veículos.

No ato do cadastramento, o vereador terá que apresentar os documentos dos veículos, dados dos proprietários dos veículos e carteira de habilitação do condutor.

As regras estão contidas no Memorando Circular 010/2019, assinada pelo presidente em exercício Flávio Tácito (PPL).